Meanwhile In… #4

O Meanwhile In… de hoje é dedicado a ex-glórias do futebol português! Vamos fazer uma viagem fantástica pelo mundo. Uma viagem aos confins da terra! Segurem-se!
 
Tailândia – O BEC Tero Sasana do nosso querido Ariza Makukula começou bem a liga e leva 7 pontos conquistados em 3 jogos. A vitória no passado fim de semana não podia ter sido mais saborosa, por 3-2 frente ao campeão Buriram United, numa vitória conquistada graças a uma buja fulminante a mais de 30 metros da baliza dum jogador chamado Peerapat Notechaiya. Ariza Makukula, pela minha pesquisa, ainda não se estreou, mas tem à sua espera na frente de ataque o hondurenho Georgie Welcome. Os objectivos do clube passam pela qualificação para a liga dos campeões da AFC via playoff, tarefa que não se adivinha nada fácil. O nosso blog, no entanto, com Welcome e Makukula, não tem dúvidas em afirmar que o BEC Tero Sasana será campeão. A partir de agora vamos passar a tratar o BEC Tero Sasana por “Becas do Makukula”! Força, Becas!
Singapura O Tampines Rovers foi campeão da S.League 2013 com 3 portugueses (da Gestifute) em destaque: guarda-redes André Martins (ex-SCP), o médio Vítor Ladeiras e o avançado Diogo Caramelo (ex-SLB). A época 2014 não poderia ter começado melhor para o campeão, com 3 vitórias em 3 jogos… Adivinhem quem é o novo astro da equipa, com 4 golos apontados nestes 3 jogos? Milan Mrdakovic! Antigo ponta de lança do Vitória de Guimarães! Este menino promete fulminar as balizas por essa Singapura fora e fazer do Tampines novamente campeão. O clube não está é com muita sorte na AFC esta época, algo que não impede Mrdakovic de violar também na AFC as balizas adversárias. Infelizmente, o golo de Mrdakovic não chegou e a equipa acabou eliminada, no prolongamento, por 2-1, frente ao South China de Hong Kong, no playoff de qualificação para a Liga dos Campeões da AFC. Na “Liga Europa” lá do sítio, a AFC Cup, o Tampines em 2 jogos não conseguiu um único ponto e está neste momento a fazer pela vida. Adivinhem? 77 minutos de jogo e Tampines 3-1 Pune FC (Índia). Adivinhem quem marcou mais 2 golos? Yep. Mrdakovic! O golo do Pune FC foi marcado pelo Mustapha Riga (alguns fanáticos devem lembrar-se desta personagem em terras europeias)


Gabão – As coisas não estão famosas para o AC Bongoville de Henri Antchouet. 11º classificado entre 14, esta modesta equipa luta desde 2011, ano em que subiu à 1ª divisão, para se manter entre os maiores do futebol gabonês. Antchouet até já marcou um golito que daria a vitória ao Bongoville no terreno do Mounana, só que pronto, árbitros ladrões e com medo dos adeptos da casa, anularam o golo ao nosso amigo. Tirando o golo anulado, o Antchouet ainda não marcou qualquer golo na presente época mas, com a ajuda do Diego Zaporo, seu amigo brasileiro com trajecto em Portugal (Vitória Setúbal, Beira-Mar, Olivais e Moscavide, Pinhalnovense e Torreense), temos a certeza que vai fazer as delícias dos habitantes desta cidade no sudeste gabonês. 

Cazaquistão – Se as pessoas só conheciam Astana por ser a antiga ou presente equipa de ciclistas como Sérgio Paulinho, Contador, Vinokourov, Leipheimer ou Nibali, agora, meus amigos, preparem-se, porque está na hora de seguir o trajecto de Cícero em terras de Borat. Eu ainda sou do tempo em que o Dínamo de Moscovo veio a Portugal, cheio de petrodólares e de pau feito, para contratar uma troupe de jogadores e serem campeões da Rússia, Urais, Crimeia e mais além. Nuno, Jorge Ribeiro, Luis Loureiro, Costinha, Maniche, Derlei, Cícero e Danny quase atiravam o Dínamo para a 2ª divisão russa, mas que se lixe, ao menos temos mais uma equipa mítica para recordar até sermos velhinhos, com a malta da sueca lá no bairro. Mas voltando ao Cícero! O Cícero no ano passado foi vice-campeão do Cazaquistão, perdeu o campeonato para o Aktobe e este ano começou a época a ser eliminado nos playoffs da Liga Europa pelo Botev Plovdiv da Bulgária, com uma humilhante goleada por 5-0 em Plovdiv. No campeonato, um 0-0 em casa frente ao Zhetysu (10º classificado em 2013) também não augura nada de bom. Vá lá, Cícero, vamos lá espevitar aí esses borats! Força!


3 replies
  1. Ai Vale Bujas
    Ai Vale Bujas says:

    Se não te importares de apanhar bactérias carnívoras na água das torneiras… força!
    Acho que em Singapura te safavas… Único problema é o alcool, diz que são chatinhos com bubadeiras

    Responder
  2. João
    João says:

    AVB!

    Espero que na proxima analise à Liga Oiropa venha um pedido de desculpas ao detentor do Saxo Cup mais sexy do momento :ppp

    abrs master

    Responder

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *